Carrinho

Quem eu sou? Acredito que todo mundo já fez essa pergunta em algum momento. Isso porque o ser humano tem a necessidade de caminhar com um propósito no coração. Não queremos andar sem rumo.

Quando não entendemos quem somos, não sabemos para onde vamos e, consequentemente, não compreendemos os passos a serem seguidos e acabamos parados ou andando para trás.

Precisamos, então, ter a nossa identidade convicta. E, como fazer isso?

Encontramos a resposta ao ler a Palavra de Deus. É lá que desvendamos Sua identidade e Seu caráter, além de entender as características de Seus filhos, ou seja, nossas características.

Deus tem um plano único, extraordinário e lindo para sua vida, pois Ele fez você de uma maneira extraordinária e maravilhosa! E assim como este devocional está escrito aqui, todos os seus dias também estão registrados no livro d’Ele. Portanto, vale à pena entender quem você é em Cristo Jesus, para que possa enxergar a vida da forma que Ele vê e vivê-la como Ele planejou pra você!”

Vamos abordar 3 características que todos aqueles que nasceram de novo possuem:

Filho

“Pois vocês não receberam um espírito que os escravize para novamente temer, mas receberam o Espírito que os adota como filhos, por meio do qual clamamos: ‘Aba, Pai’.”

Quando recebemos o Espírito Santo, Deus nos adota como filhos! Isso é muito precioso, pois o pai cuida de seus filhos e sempre quer dar o melhor para eles. Podemos nos achegar em seus braços, desabafar e ouvir seus conselhos e puxões de orelhas. Seja quem for seu pai aqui na Terra, Deus é um bom pai e você pode contar com Ele.

Protegido

 Assim como o pai cuida, ele protege. Você é defendido por Deus.

“Então eu lhes disse: Não fiquem apavorados; não tenham medo deles. O Senhor, o seu Deus, que está indo à frente de vocês, lutará por vocês, como fez no Egito, diante de seus próprios olhos. Também no deserto vocês viram como o Senhor, o seu Deus, os carregou, como um pai carrega seu filho, por todo o caminho que percorreram até chegarem a este lugar.”

Quando Deus nos pede algo, Ele nos ajuda a realizar. Ele caminha conosco. Podemos andar de cabeça erguida, sabendo que somos escoltados pelo Rei dos reis.

Amado

“Foi assim que Deus manifestou o seu amor entre nós: enviou o seu Filho Unigênito ao mundo, para que pudéssemos viver por meio dele. Nisto consiste o amor: não em que nós tenhamos amado a Deus, mas em que ele nos amou e enviou seu Filho como propiciação pelos nossos pecados.”

Não existe prova de amor maior que essa! Deus enviou seu filho para morrer por nós para nos salvar! Todas as vezes que pensarmos que Ele não nos quer, precisamos lembrar que Jesus se sacrificou por nós a fim de nos libertar do pecado e da morte, e nos dar a vida eterna! Sua morte na cruz continua trazendo libertação aos nossos corações. 

Quando entendemos que somos amados de tal forma, sentimos a necessidade de compartilhar esse amor com as pessoas que conhecemos. É nosso dever entender o amor de Deus e amar o nosso próximo.

Justamente por sermos amadas de forma tão indescritível, mesmo sem merecermos, precisamos compartilhar esse amor que o mundo não conhece, que não pede nada em troca ou julga pela aparência. Por isso, devemos amar a todos! Da mesma forma que você é incluída no amor de Deus, as outras pessoas também são.”

Livre

“Portanto, agora já não há condenação para os que estão em Cristo Jesus, porque por meio de Cristo Jesus a lei do Espírito de vida me libertou da lei do pecado e da morte.”

Quando conhecemos a Jesus e entregamos nossa vida a Ele, somos libertos do pecado e da morte! 

Enquanto muitas pessoas pensam que são livres tomando atitudes erradas e vivendo no pecado, os filhos de Deus conhecem a verdadeira liberdade. Não precisamos mais saciar a nossa carne. Com a ajuda do Espírito Santo, negamos os prazeres do mundo e vivemos a vontade de Deus, que é boa, perfeita e agradável (cf. Romanos 12.2).

Agora também queremos abordar algumas características de Deus, pois quando sabemos quem Ele é, sabemos como Ele age.

Por exemplo, quando leio as histórias de Josué enfrentando seus inimigos, sempre percebo o Senhor dizendo que estará com ele nas batalhas. Dessa forma, eu sei que Deus é um Deus que guerreia com a gente. Ele não nos abandona (cf. Josué 1).

A Bíblia nos revela muito sobre o caráter de Deus.

 

Podemos ter certeza de que Deus é:

Bom

“Sei que a bondade e a fidelidade me acompanharão todos os dias da minha vida, e voltarei à casa do Senhor enquanto eu viver.”

Deus é bom! Seja qual for a fase que você esteja vivendo, saiba que Ele é bom. Muitas vezes, em meio ao sofrimento, temos a tendência de pensar que o Senhor quer o nosso mal, mas isso é mentira. Deus é misericordioso e Ele perdoa nossos pecados sempre que nos arrependemos e sempre está disponível para nos aconselhar e consolar. O Senhor é um Bom Pai. Ele ama dar presentes para seus filhos e vê-los alegres. 

Isso não significa que Deus não nos disciplina quando precisamos ou que não se entristece quando pecamos. Porém, Sua misericórdia e bondade podem ser sempre experimentadas.

Fiel

“Apeguemo-nos com firmeza à esperança que professamos, pois aquele que prometeu é fiel.”

Sei que, às vezes, sentimos que as promessas de Deus não vão se realizar, mas a Bíblia é clara e verdadeira: Aquele que prometeu é fiel. Não precisamos nos desesperar. Deus trabalha com processos e, por meio deles, quer nos trazer ensinamentos valiosos para, assim, nos levar à concretização da promessa com o coração e a mente aperfeiçoados.

Se Deus diz que está conosco até o fim, Ele estará até o fim. Podemos confiar em sua companhia e provisão no decorrer do caminho.

Amigo

“Já não os chamo servos, porque o servo não sabe o que o seu senhor faz. Em vez disso, eu os tenho chamado amigos, porque tudo o que ouvi de meu Pai eu lhes tornei conhecido.”

Deus é nosso amigo. Ele deseja estabelecer uma relação de amizade conosco. De contar segredos do Céu e ouvir os nossos também. Nosso Pai quer nos acompanhar na nossa rotina, seja ela intensa ou não. Mesmo sendo onisciente, Deus quer que a gente decida contar nossos dilemas e anseios a Ele.

Podemos tê-lo como nosso Melhor Amigo, aprendendo a sermos leais e a ouvi-lo com sensibilidade.

 

Saber quem nosso Pai é e compreender as características que nós carregamos como filhos é muito importante. Caminhamos com confiança, cabeça erguida e brilho nos olhos. Assim, quando as mentiras chegam às nossas mentes, sabemos como rebater.

Precisamos ter a nossa identidade estabelecida e apenas a encontramos n’Ele. E, quanto mais perto nos achegamos a Ele, mais vivemos quem realmente somos e as lindas coisas que Ele tem para nós.



Política de privacidade